Características e mercado do leite em pó

Características e mercado do leite em pó

07 de junho, 2022

Em 2020, foram produzidas em torno de 650 mil toneladas de leite em pó no Brasil. O produto tem grande importância para a cadeia leiteira nacional, devido à sua vida de prateleira elevada e sua boa logística de armazenamento e transporte.

Em geral, são necessários aproximadamente 8,2 litros de leite para produção de 1 kg de leite em pó integral e 11 litros para o caso do desnatado. Estamos falando, portanto, de aproximadamente 6 bilhões de litros de leite por ano utilizados nesse mercado brasileiro.

O leite em pó é normalmente comercializado de duas formas:

  1. Em sacos de 25 quilos (leite em pó industrial) – como o próprio nome sugere, este produtor é negociado entre indústrias, que compram o leite em pó para utilizar em outros processos produtivos; e
  2. Em sachês de 400 gramas (leite em pó fracionado) – produto que tem suas vendas direcionadas ao varejo, que repassa o produto ao consumidor final.

No que tange à composição, o leite em pó integral e o desnatado diferem-se em relação ao seu teor de gordura, com a versão integral tem maior teor que a versão desnatada. 

Os preços do produto desnatado são amplamente correlacionados com os de matéria-gorda láctea, pois um aumento na oferta de leite em pó desnatado causa um aumento na oferta de gordura e, ao mesmo tempo, um aumento na demanda por gordura ocasiona um aumento na oferta de leite em pó desnatado. Com isso, um produto acaba influenciando no outro.

Outro fator que impacta fortemente neste mercado é o que acontece no cenário internacional, visto que o Brasil é player relevante em termos de importações. O mecanismo desta relação será explicado no texto seguinte desta coluna. Fique atento! 

Momento atual

Diferentemente do leite UHT e do queijo Muçarela, o leites em pó enfrentam mercado mais retraído durante o mês de maio. Os produtos industriais, inclusive, tiveram diminuição em termos de preços.

Este cenário se deu em razão das movimentações ligadas ao mercado internacional: preços externos em queda e real se valorizando frente ao dólar, fatores que facilitam a entrada de produto importado no Brasil. Neste momento, o recuo nos preços do LP não foi maior em razão do direcionamento do leite para produção de UHT e Muçarela, derivados em melhor momento – o que controla a oferta do produto.

 

Fonte: Milk Point

  • EUA: Jersey bate todos os recordes de produção mais uma vez

    Marcelo de Paula Xavier

    Produtor Rural, Administrador de Empresas e Mestre em Agronegócios

    EUA: Jersey bate todos os recordes de produção mais uma vez

  • Velocidade de ordenha e lesões nos tetos

    Jeferson Luiz Piccoli

    Especialista em Sistemas de Ordenha

    Velocidade de ordenha e lesões nos tetos

  • Qual devo escolher: Transferidor ou Canalizada?

    Jeferson Luiz Piccoli

    Especialista em Sistemas de Ordenha

    Qual devo escolher: Transferidor ou Canalizada?

Proluv
Top