Quais indicadores são mais importantes nas análises de forragens?

Quais indicadores são mais importantes nas análises de forragens?

10 de setembro, 2020

Por que analisar o conteúdo nutricional das forragens?

A resposta óbvia a esta pergunta é: usar os resultados para equilibrar as dietas das vacas em lactação, bem como das vacas secas e novilhas. O objetivo de equilibrar as dietas é otimizar o desempenho do gado leiteiro, mantendo os custos de alimentação razoáveis ​​e usando as opções de alimentos disponíveis. Mas, tão importante quanto usar os resultados para equilibrar as dietas é avaliar se a qualidade das forragens colhidas pode ser melhorada. Esta avaliação pode ser das forragens colhidas por terceiros (contratados) ou aquelas colhidas como parte da operação da própria fazenda. Com estes resultados, pode-se determinar se as forragens precisam ser colhidas mais cedo / mais tarde, se diferentes variedades precisam ser usadas ou se mudanças nas práticas agronômicas precisam ser instituídas para evitar diminuições na qualidade das forragens.

Principais pontos para avaliar a qualidade da forragem

A energia é o componente nutricional mais difícil de fornecer em dietas para vacas em lactação. As forragens de melhor qualidade são mais digestíveis, pois possibilitam uma maior ingestão de matéria seca e fornecem mais energia. Assim, permitem que maiores quantidades de forragem sejam incluídas na dieta, diminuindo o custo total da alimentação e/ou proporcionando maior produção de leite no início da lactação, bem como melhorando o desempenho reprodutivo em comparação com forragens de menor qualidade.

Matéria seca: Ao balancear as dietas, a matéria seca é usada para determinar a quantidade de cada alimento a ser adicionado na mistura total ou a ser fornecido para o gado leiteiro. A matéria seca de uma forragem dá uma indicação de como a qualidade desta forragem será mantida durante seu armazenamento. Alimentos que são armazenados muito úmidos podem sofrer uma fermentação indesejável ou mofar e, quando fornecidos, podem resultar na redução do consumo pelo gado. Aqueles colhidos muito secos podem não compactar tão bem e não fermentar adequadamente, quando armazenados como silagens. Para silagens de milho colhidas com mais de 40% de matéria seca, pesquisas têm mostrado menor produção de leite devido à maturidade avançada da planta de milho.

Fibra Detergente Neutro (FDN): A Fibra Detergente Neutro é necessária para manter a saúde do rúmen e da vaca. Denomina-se como FDN a parede celular, a porção da forragem insolúvel em detergente neutro, que é basicamente constituída de celulose, hemicelulose e liqnina. A lignina não é digestível e apenas cerca de 30 a 40% da celulose pode ser digerida pelos microrganismos do rúmen. A hemicelulose, por outro lado, é cerca de 70% digestível e fornece uma fonte de energia para as bactérias do rúmen. À medida que as leguminosas e as gramíneas amadurecem, a porcentagem de FDN aumenta. Os valores de FDN devem ser comparados com base na matéria seca para permitir uma comparação entre forragens. Com o aumento da concentração de FDN em gramíneas e leguminosas, o seu consumo é reduzido e, portanto, o consumo total de energia é reduzido, ao contrário do resultado desejado.

Em contraste, à medida que uma planta de milho amadurece, uma porcentagem maior da planta é contida na porção do grão, resultando em um maior teor de amido. Assim, o FDN diminui com o seu amadurecimento. Um indicador melhor da qualidade está refletido na digestibilidade in vitro da FDN da planta de milho, conhecido como FDNd.

Digestibilidade in vitro a FDN (FDNd): Para conduzir este ensaio, a amostra de silagem de milho é primeiro seca e depois moída. Uma quantidade da amostra moída é incubada em um tubo de ensaio com fluido ruminal. As amostras podem ser incubadas por vários períodos, mas 30 horas é o melhor para estimar quanto da fibra pode ser digerida no rúmen da vaca. A digestão das fibras está relacionada ao consumo de alimentos e, portanto, ao consumo de energia esperado quando as vacas são alimentadas com esta forragem. Como as enzimas digestivas e bactérias presentes no fluido ruminal não podem ser padronizadas entre os laboratórios de teste de forragem, os resultados devem ser comparados apenas dentro de um mesmo laboratório. Quanto maior a porcentagem de FDN digerida em 30 horas, maior a qualidade da silagem de milho.

Energia: A concentração de energia contida em um alimento não é realmente medida em laboratório. O valor relatado é calculado usando uma equação matemática com base na pesquisa. Cada laboratório usa sua própria equação, portanto, a comparação entre laboratórios não é possível. No entanto, em um laboratório e em um tipo de alimento, quanto maior o valor da energia, maior a qualidade do volumoso.

Conclusão

As análises bromatológicas fornecem muitas informações sobre a qualidade e o valor nutritivo das forragens testadas. A primeira varredura dos números nestes relatórios deve refletir uma avaliação do teor de matéria seca e fibra em detergente neutro ou taxa de digestibilidade da fração de fibra FDN. A energia é o componente nutricional mais difícil de fornecer às vacas leiteiras e pode ajudar a avaliar a qualidade das forragens disponíveis para alimentação, bem como permitir que se otimize o uso das forragens na fazenda.

 

Fonte: Dairy Herd Management

Autora: Donna M. Amaral-Phillips - Universisty of Kentucky 

Tradução: Equipe Canal do Leite

Disponível em: https://www.dairyherd.com/article/which-numbers-forage-analysis-are-most-important

  • Os cuidados com a anotação de dados e os impactos na avaliação genética

    Victor Breno Pedrosa

    Zootecnista, Prof. Dr. de Melhoramento Animal e Estatística

    Os cuidados com a anotação de dados e os impactos na avaliação genética

  • A importância do uso da “Ração Total Misturada” (TMR)

    João Ricardo Alves Pereira

    Zootecnista, Doutor em Nutrição Animal e Pastagens

    A importância do uso da “Ração Total Misturada” (TMR)

  • JUBILEE: recordista mundial de produção de leite na raça Jersey

    Marcelo de Paula Xavier

    Produtor Rural, Administrador de Empresas e Mestre em Agronegócios

    JUBILEE: recordista mundial de produção de leite na raça Jersey

Proluv
Top