Pequena propriedade no Norte do Paraná ganha prêmio no Mundial do Queijo, na França

Pequena propriedade no Norte do Paraná ganha prêmio no Mundial do Queijo, na França

O Sítio Aliança, localizado no município de Santana do Itararé/PR, tem uma história que vale a pena ser contada. Na propriedade, a família Martins começou a produzir leite com 7 animais em 2003 e, em pouco tempo, se tornou referência na atividade.

Com 9 hectares, o sítio abriga 50 animais da raça Jersey e atinge uma média diária de produção em torno de 22 litros por vaca. “É uma propriedade bastante pequena, que reflete bem o que muitas propriedades pequenas tem pelo Brasil a fora, mas a gente consegue sobreviver com esses animais aqui”, afirma Leomar Martins, um dos proprietários.

Leomar e sua esposa Marisa, junto com seus filhos Lucas e Daniela, fazem todo o trabalho diário na propriedade. Para manter essa rotina com muita alegria e entusiasmo, a família permanece sempre unida, primando pela qualidade e eficiência em todos os afazeres do dia-a-dia.

O grande destaque do Sítio Aliança é a produção dos seus queijos premiados. Sob o competente comando de Marisa Martins, a produção desses queijos vem fazendo sucesso, chamando a atenção dos consumidores e tornando a propriedade reconhecida nacional e – agora – internacionalmente.

“A gente fazia queijo para nossa mesa, daí em 2018 surgiu o primeiro concurso em Londrina. Nosso queijo foi premiado e classificado para a etapa final em Curitiba, no mesmo ano. Lá, ficamos com a medalha de prata no concurso estadual”, explica Leomar.

“Nós ficamos muito orgulhosos em ser contemplados no concurso”, salienta Marisa, “porque nós não viemos de família queijeira. Fomos no concurso só para ver como era, uma vez que estávamos fazendo já queijo maturado também. E ficamos muito surpresos com o resultado, segundo lugar do Estado do Paraná!”

Naquele dia, a família Martins começou a mudar sua história na pecuária de leite. A produção de queijos ganhou mais força e eles foram melhorando os processos cada vez mais.

Neste domingo (12), um dos queijos do Sítio Aliança ganhou o mundo, conquistando a medalha de prata no “Mondial Du Fromage”, na cidade de Tours, na França. Segundo Leomar, o queijo premiado no concurso mundial foi o Maná Concafé Gourmet, com 30 dias de maturação.

O “Mondial Du Fromage” está sendo realizado entre o domingo (12) e esta terça-feira (14). O evento envolve o setor de alimentos de leite com disputas em diferentes categorias e participantes de diversos países como Itália, Bélgica, Brasil, Japão, Espanha, Portugal, Alemanha, Suíça entre outros.

Muito emociando, Leomar conta que a família largou tudo que tinha para se mudar para a propriedade rural. “Deus moldou esse sítio para nós. Quando chegou o queijo em nossa vida foi um impacto bastante grande, positivo até. Mas, foram tantas as dificuldades que o queijo colocou na nossa vida que chegamos até quase a desistir. Alguns amigos que não nos deixaram desistir. E era ali o caminho que estava preparado para nós”, finaliza ele.

 

Assista o vídeo sobre o Sítio Aliança:

Sítio Aliança Jersey – Pequena propriedade familiar que produz leite e queijos com rebanho Jersey

 

  • Importância da manutenção preventiva em sistemas de ordenha

    Jeferson Luiz Piccoli

    Especialista em Sistemas de Ordenha

    Importância da manutenção preventiva em sistemas de ordenha

  • La Vaque dé Jèrri traduz o amor e o orgulho da Ilha pela raça Jersey

    Marcelo de Paula Xavier

    Produtor Rural, Administrador de Empresas e Mestre em Agronegócios

    La Vaque dé Jèrri traduz o amor e o orgulho da Ilha pela raça Jersey

  • SHELLY: a primeira vaca Jersey a ultrapassar as 400 mil libras de leite

    Marcelo de Paula Xavier

    Produtor Rural, Administrador de Empresas e Mestre em Agronegócios

    SHELLY: a primeira vaca Jersey a ultrapassar as 400 mil libras de leite

Proluv
Top